Método indolor para detectar malária em Uganda

  Kampala, Uganda, 1/11/2013 – Aos 21 anos, Brian Gitta já teve malária tantas vezes que perdeu a conta. De tantos exames de sangue que precisou fazer, pegou pavor das agulhas. Por isso não surpreende que, com três companheiros de informática, tenha criado um aplicativo para telefones celulares que detecta o parasita que causa a […] Continue Reading